Posts Recentes

terça-feira, 16 de abril de 2013

Minha Crise Interior


   Como sabemos que estamos indo no caminho certo? Como sabemos se vamos chegar lá? Quantas e quantas dúvidas rodeiam nossa mente em relação o que o futuro nos espera... Mentiroso aquele que diz não está preocupado com o amanhã, que o certo é viver hoje, sim, tudo certo, mas... Será que não rola um frio na barriga de se imaginar daqui a dez anos? Tem espaços de tempos menores na vida que nos provam que tudo pode mudar, seja com você, sua casa, cidade, amizades, relacionamentos, planos, objetivos, desejos e prioridades.
   Todo mundo chega à idade de crise, aquela que vem acompanhada ao meio do curso que você está fazendo na Faculdade ou do 3º ano consecutivo de cursinho, crise essa que nos deixam em meio a tantas duvidas e incertezas se são esses os planos que desejamos tanto. A questão é que crescemos e nos transformamos interiormente, conhecemos coisas novas todos os dias, várias opiniões, vários problemas e várias vezes é preciso usar a balança da prioridade, o que vem primeiro? Será que primeiro não tenho que estudar? Ou será que devo trabalhar? Fazer as duas coisas juntas? E quem necessita trabalhar? Ora, crescer e amadurecer não são problemas, o problema é perceber ou achar que está fazendo tudo errado, que perdeu chances valiosas de melhorar, que poderia ter feito tal curso, estudado mais um pouco para isso ou aquilo, ter se prevenido ali ou aqui. E lógico! Sempre achamos que o outro está bem mais feliz, decidido e realizado que você! Existem pessoas assim? Claro que sim, mas nem sempre aquele que você acha o poço da certeza dos planos e metas é aquilo que demostra, na maioria das vezes aquilo é só faixada para afastar os próprios medos e não desistir de tudo.
   Desistir de tudo... Quantas e quantas vezes já me peguei pensando nessa possibilidade, e aí a gente arranca, Deus sabe da onde, uma força e uma sensatez que nos faz permanecer no caminho e superar.
   Não é errado sentir medo, o medo nos deixa alerta, melhora nossos reflexos e nos deixa precavidos, agora o importante é não deixar o medo nos dominar e usá-lo para seu benefício, driblar-se da rasteira da vida. Não se desesperar, se informar, perguntar e correr atrás. Uma das melhores coisas é conversar com pessoas que estão passando pelo mesmo ou que passaram pelo mesmo. A vida está ai e a sociedade nos impõe regras e infelizmente temos um tipo de “roteiro” a seguir (estudo, trabalho, sustento, família ou não, etc. e tal). Enfim, Viva sua crise, mas sem crise! ;)

Galera, texto de minha autoria, se copiar credita ;) 

**Curtiu? Clica no link logo abaixo do titulo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar! Seu comentário é muito importante para nós.
Volte sempre :)

© Mero Detalhe - 2013. Todos os direitos reservados.
Design by: Colorize Desin .
Tecnologia do Blogger .