Posts Recentes

terça-feira, 13 de agosto de 2013

Medo



   "Na verdade eu não era nada corajosa, tinha medo de absolutamente tudo! Meu pensamento brigava entre o pessimismo e o otimismo, o medo me paralisava, me adoecia e me sufocava. Ele vinha em qualquer hora do dia, da noite e frente a uma dada situação ou simplesmente só de pensar no futuro que me aguardava.
   De todos os medos, acho que o mais assustador era o medo de não conseguir, ser incapaz e se tornar um inútil, isso realmente me fazia tremer. Ali no meu canto eu me reunia com aquela confusão de pensamentos e ficava sofrendo sozinho pelo que passei e pelo que eu ainda iria passar.
   E eu mesma me reduzia a nada, perdia a fé em mim e na minha capacidade, convicto de que não tinha nenhuma chance, nenhuma habilidade especial , que Deus não havia me presenteado com nenhum dom, pois não sabia desenhar, dançar, tocar, cantar... Nem era tão inteligente assim, apenas “esforçada”, não era fã de mudanças ou criações, era tudo bem “aquilo mesmo” na rotina do sempre em que minha vida havia se reduzido. Precisava de uma salvação, um choque que me recuperasse, alguém que me jogasse uma corda e me tirasse desse poço. Meu grito era interno e apenas ecoava nas minhas paredes que agora eram tão frágeis".

Galera, texto de minha autoria, se copiar credita ;)



2 comentários:

  1. Amei o blog, super lindo e organizado ja estou seguindo ><
    ficaria muito feliz se voce retribuisse *-*
    beijos
    http://dicasentreamigas1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar! Seu comentário é muito importante para nós.
Volte sempre :)

© Mero Detalhe - 2013. Todos os direitos reservados.
Design by: Colorize Desin .
Tecnologia do Blogger .