Posts Recentes

segunda-feira, 31 de março de 2014

Cápsula do Tempo


Olá Pessoal! Tudo certo? Hoje o post é especial, porque tem texto do meu único e sumido colaborador, Pedro, meu mozi (outros posts dele: Estação Desespero R1, Uma Conversa de OutroMundo, Memória Corrompida e E essa Nova Geração hein?)
No final de semana retrasado ele teve essa ideia:

Imagina se uma versão de você, mais velho, talvez com algumas rugas, cabelo branco e um sorriso menos jovial resolve aparecer na sua frente um dia desses? Já pensou em ter esse contato com o futuro? Eu já. A gente assiste a todos esses filmes, ficção científica e tal, às vezes imaginamos “e se isso realmente fosse possível? E se eu pudesse conversar comigo mesmo? Pensando nisso eu acabei chegando a 3 conclusões:

Certamente, se essa tecnologia chegar a existir um dia, eu voltaria para me ver, contar como ficou tudo lá na frente, sabe? Então, depois de mais de 20 anos sem nenhum contato com um possível Pedro mais velho, eu poderia estar morto antes dessa tecnologia chegar não é? Ou não teria dinheiro suficiente para utilizá-la ( triste assim). Ou quem sabe, uma das novas leis que regem o mundo, impedem que você se veja no passado, conte qualquer coisa que possa comprometer o seu futuro. A última opção é a mais aceitável, já que eu não quero morrer tão cedo e não quero ficar pobre.

Pensando nisso, eu acabei realizando que eu posso simplesmente contar hoje, no meu presente, o passado do meu futuro, tudo o que eu tenho vivido, o que eu tenho feito, o que eu tenho sentido e passado. Escrever uma carta para, sei lá, daqui a 15 anos, quem sabe, e só abri-la nessa data. Imagina que louco! Esse vai ser o meu contato, sem ficção científica nem nada, do meu passado com o meu futuro. Uma carta endereçada ao ano de 2029, que só deverá ser aberta nesse ano.

Eu espero que eu mesmo ainda consiga entender a minha própria letra, que eu possa sentir o mesmo que eu sinto hoje em dia por todos aqueles que estão à minha volta. Que eu não esteja sozinho, que eu continue amando a minha pequena. Que eu tenha encontrado mais felicidade do que eu já tenho. 

Espero que quando eu leia essa carta, que eu possa me identificar com o meu passado, e não voltar atrás, tentar mudar algo. Que eu tenha novas e ÓTIMAS experiências para compartilhar numa próxima “cápsula do tempo” para os próximos 15 anos depois do meu Pedro do futuro. Espero que eu seja feliz, vivo e não tão pobre. 

Enfim, desafio vocês a compartilhar dessa ideia. Escrevam uma carta, não precisa ser enorme, só precisa ter sentimento. Pense em tudo que vocês estão passando nos últimos tempos, todas as descobertas, tudo de ruim também, quem sabe não melhorou? Pensem direitinho e contatem o seu eu do futuro".

Um beijo na sua alma e até a próxima.







E aí pessoal, curtiram a ideia? Eu já comecei a escrever a minha :D
Com certeza essa Carlinha de hoje não será a mesma de amanhã, assim como, a Carlinha de hoje não é aquela mesma de ontem.

Beijos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar! Seu comentário é muito importante para nós.
Volte sempre :)

© Mero Detalhe - 2013. Todos os direitos reservados.
Design by: Colorize Desin .
Tecnologia do Blogger .